29 de dez de 2013

Osho – Encontro Com Pessoas Notáveis

Gurdjieff tem apenas um ensinamento para seus discípulos, que é o de não se identificar. Toda sua escola, suas técnicas, seus métodos e situações baseiam-se num único fundamento que é este: não se identificar. (...)

Lembre-se do centro! Observe seu comportamento, seus atos, suas identificações e estará estabelecida uma distância; logo vai se criando uma distância – o observador e aquele que faz tornam-se dois. Você poderá se ver rindo, chorando, caminhando, comendo, fazendo amor; poderá fazer muitas coisas, o que quer que aconteça a seu redor – e permanecerá como um observador. Não mergulha para se fundir com o que quer que esteja vendo. (...)

O seu ser interior é exatamente como um espelho. O que quer que passe a sua frente ele reflete, tornando-se simplesmente uma testemunha.  Venha a doença ou a saúde, a fome ou a saciedade, o verão ou o inverno, a infância ou a velhice, o nascimento ou a morte – o que quer que aconteça, acontece diante do espelho, mas nunca AO espelho.
É isso a ausência de identificação, o corte pela raiz, na própria raiz – para se tornar um espelho.

Osho – Encontro Com Pessoas Notáveis